Slider
Ibrahim_Maalouf_invite_Monica_Bellucci_-_25_ans_de_Taratata_2017_001.jpg
Ibrahim_Maalouf_invite_Monica_Bellucci_-_25_ans_de_Taratata_2017_002.jpg
Ibrahim_Maalouf_invite_Monica_Bellucci_-_25_ans_de_Taratata_2017_003.jpg
Monica_Bellucci_Cannes_Festival_2003_001.jpg
Monica_Bellucci_Cannes_Festival_2003_002.jpg
Monica_Bellucci_Cannes_Festival_2003_003.jpg
Monica_Bellucci_Cannes_Festival_2003_004.jpg
Monica_Bellucci_Cartie_2001.jpg
Esquire_Monica_Bellucci_2017_04.jpg
Esquire_Monica_Bellucci_2017_05.jpg
Esquire_Monica_Bellucci_2017_02.jpg
Esquire_Monica_Bellucci_2017_03.jpg
Esquire_Monica_Bellucci_2017_01.jpg
Monica_Bellucci_Man_2001_012.jpeg
Monica_Bellucci_Man_2001_013.jpeg
Monica_Bellucci_Man_2001_011.jpeg
Monica_Bellucci_Man_2001_010.jpeg
Monica_Bellucci_Man_2001_005.jpeg
Latest Photos
2013, january — Vogue (Brazil) — Bela Bellucci! Musa italiana revela por que se apaixonou pelo Brasil

Bela Bellucci! Musa italiana revela por que se apaixonou pelo Brasil

monica-b-2

Nas páginas da Vogue de janeiro, um ensaio exclusivo com a belíssima atriz italiana Monica Bellucci, clicado por J.R.Duran, em Santa Tereza, com styling assinado por Karine Vilas Boas. Durante a sessão de fotos, Alexandra Farah, nossa Miss V, bateu um papo exclusivo com a italiana, que você lê na sequência. No fim da página, assista ao vídeo exclusivo realizado durante o shoot.

A primeira impressão, contrariando o ditado, não foi a que restou do meu curto, mas intenso, encontro com Monica Belluci. Uma das mulheres mais sexy e bonitas de todos os tempos, ela é embaixadora da Cartier e estava no Rio de Janeiro para um jantar beneficente da Cartier na quinta de Olavo Monteiro de Carvalho em Santa Tereza. Monica veio ao Brasil acompanhada por Vincent Cassel, seu marido e também ator. Ele, francês, mora em Paris. Ela, italiana, em Roma. O casal não mora junto a maior parte do tempo, mas se encontram mundo afora. Além de suas próprias casas, têm outros endereços como o apartamento em Londres e um refúgio perto de Itacaré, na Bahia. A partir de março, prometem transformar um apartamento na zona sul do Rio no principal ponto de morada da família. Se eles podem ter o mundo todo, por que escolher o Brasil? «Me apaixonei pelo País há 18 anos. Todos os lugares têm seus problemas, mas gosto do jeito como vocês reagem com os seus. Com poesia», teoriza Monica.

monica-b-6

Ela e Cassel se conheceram em 1996, no set de filmagens de O Apartamento, e desde então já fizeram oito filmes juntos. Embora sejam considerados uma versão européia e mais lay down de Brad e Angelina, os dois não se apaixonaram à primeira vista como aconteceu com os pais de Maddox, Zahara e cia. «Na verdade, detestei Vincent quando o conheci. Achei-o muito arrogante. Depois descobri que era só uma fachada.»
Monica havia acabado de assistir à Dona Flor e seus Dois Maridos e se sentiu «muito louca» ao desembarcar em Salvador, na primeira vez que visitou o país, aos 30 anos. «Tinha certeza de que estava no filme e que era a Sonia Braga». Em março, quando a família se fixar em solo carioca, o primeiro projeto do casal será um filme sobre os bastidores do carnaval. A decisão de estabelecer-se no Brasil é para valer e envolve logística intensa, já que o casal tem duas filhas que vão mudar de escola, aprender uma língua estranha, adaptar-se a novos hábitos e costumes. Mas no roteiro de uma superestrela, nada é definitivo. «Pode ser que em cinco anos eu volte para Roma, que é minha cidade favorita, mas agora meu lugar é aqui, de frente para a praia, vendo as pessoas nas ruas e sentindo a energia do mar», garante com empolgação genuína.

l1090029

J.R. Duran com a bela atriz italiana durante a sessão de fotos (Foto: J.R. Duran)

Aos 48 anos, Monica está em excelente forma, vide as campanhas recentes para Dolce&Gabbana, da qual é uma das musas. Ela conhece seus melhores ângulos, claro, mas nem tenta mais esconder as irreversíveis – perdoem o trocadilho – rugas de expressão. «Não tem o que fazer. Penso todos os dias: envelhecer é inevitável», diz com ligeira melancolia, para depois recobrar o ânimo e continuar: «Ser mãe me ajudou a encarar uma realidade; perdemos a beleza biológica para ganharmos belezas mais interessantes. Só que aceitar isso não é facil. Pode demorar uma vida». Também não há como driblar o assunto «ditadura da magreza», uma vez que Monica já foi modelo e, como atriz, usa e abusa do papel de femme fatale voluptosa. «Aprendi muito com vocês, brasileiras», dispara. «Na Europa, as mulheres só querem ser cada vez mais magras. Enquanto as europeias ficam assustadas, vocês têm liberdade, exibem-se com qualquer tipo de corpo, sem problemas. Isso é muito sexy. Entendeu agora por que eu quero morar aqui?». Tem como não amar Monica Belluci? (ALEXANDRA FARAH)

monica-b-7

© 

 


Published by: admin
Comments disabled

Обсуждение закрыто.